Minha Casa, Minha Vida pode ter sido moeda de troca de votos em Malhada de Pedras

0
86

A Justiça Eleitoral e Federal devem receber denúncias que apontam uma possível compra de votos nas últimas eleições de 2016, no município de Malhada de Pedras, no sudoeste baiano. A moeda de troca pode ter sido 25 casas do programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal. O site Brumado Notícias recebeu a denúncia de moradores da cidade.

Segundo eles, o residencial Urbis IV levou cerca de cinco anos para ser erguido e, mesmo sem instalação elétrica e sem água canalizada, foi entregue subitamente pela prefeitura na gestão passada, durante o período de campanha eleitoral. O empreendimento, orçado em cerca de R$ 900 mil, não havia sido concluído no prazo hábil de 365 dias e foi entregue aos atuais moradores sem condições básicas, além da falta de pavimentação.

Os moradores reclamam da falta de estrutura na localidade, mas ninguém assume que recebeu a casa a troco de voto. Populares estão elaborando uma documentação com possíveis provas para ser encaminhada ao Ministério Público Estadual (MPE) e ao Fórum Eleitoral, que corresponde a 90ª Zona Eleitoral em Brumado, para que sejam apuradas as informações. Nossa reportagem tentou contato com administração municipal e com o gabinete da prefeitura pra tratar do assunto, mas não obteve êxito. Fonte brumado notícias

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA