Prefeito de Mucugê rebate ministro da Saúde durante reunião em Salvador

0
28
PUBLICIDADE

A afirmação do ministro da Saúde Ricardo Barros (PP), de que a sua pasta não persegue adversários e que todas as emendas parlamentares estariam pagas, pegou mal e foi rebatida pelo prefeito de Mucugê, município da Chapada Diamantina, Manoel Luz (PSD). O fato ocorreu durante um evento realizado na sede da União dos Municípios da Bahia (UPB), na última terça-feira (6), em Salvador. O pepista teve o discurso interrompido pelo prefeito chapadeiro.

“O senhor me desculpe, pode não ser o senhor, mas eu tenho R$ 1 milhão de emenda do senador Otto Alencar, para ampliar e reequipar o Hospital de Mucugê, e não recebi até hoje R$ 1, porque aqui na Bahia existe uma discriminação forte contra quem não é aliado do governo”, reclamou o gestor, que foi aplaudido de pé pela maioria dos demais administradores das cidades do interior do estado. Embora tenha arrancado palmas, nenhum outro prefeito pediu a fala para endossar a falta de repasse de recursos federais. Jornal da Chapada com informações do Metro1.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui